(Source: polaroidsf)

(via theremina)

(Source: jollyglam)

 

 

(via rafi602)

(Source: jockohomoremix, via colinquinn)

 

 

(Source: twitter.com, via underlandjunction)

(Source: elephantinthephoto, via karlkaos)

tava um quase sol e eu com os lábios na sua sombrancelha. afastei pra te ver. quis dizer. mas não. xiu. aí comecei a mastigar. sílaba por sílaba. em silêncio. sabe quando seus dentes acham um nervo na carne, e sem perceber você fica mastigando por horas? mastiguei por horas. numa dessas, você acordou. olhou pro dia e pra minha boca. cheia de palavras, cheia de sílabas, cheia de nervos. acordou pra me causar problemas. decidi engolir o que era carne e cuspir o que era nervo. mas no caminho entre a cama e a pia, seu tudo me puxou de volta. como se você fosse a geladeira e eu o imã. sabe quando você ri com a boca cheia? babei. não sei bem, mas acabei babando. aí parei. apaguei a luz. tranquei a porta. mandei pra puta que pariu o açougueiro que me vendeu carne com nervo. agora desconsidero, como me pediu. e xiu.

dp

Lovers – Igloos for ojos (29 plays)
buster

buster

(Source: maudit, via loverofbeauty)

(Source: i-love-the-comics)

(Source: iaminfiniteus, via rafi602)

crystal castles – i'm not in love (19 plays)

(Source: ablacklodge, via my-little-underground)